Una News - Responsabilidade com a Notícia - Nosso WhatsApp (73) 99857-0585 Email: unanews@yahoo.com.br
JULIAN-CALCADOS
mercado-uniao-1
espaco-rural-placa-1-1
WhatsApp-Image-2023-07-13-at-11.39.39
escola_coopesul
unafisiombanner-1
CESTAODAECONOMIA
ECOMASTER
clinicavitamed
Cartao-de-visita-para-motorista-particular-simples-preto_20231014_003543_0000
mototaxi-1
GUTIERRE

REAJUSTE NAS MULTAS DE TRÂNSITO COMEÇA A VALER NESTA TERÇA (01/11)

  • Jorge Pereira:Jornalista-DRT 0005599/BA - 31/10/2016
                       
ipva-transito-na-eptg-1_484551_1204x800-696x462-696x462

Foto: Ilustrativa

As mudanças no Código de Trânsito Brasileiro (CTB) sancionadas pela presidente Dilma Rousseff (PT) em maio, começam a valer nesta terça (31), sendo assim, as multas de trânsito ficarão mais caras. Esse é o primeiro reajuste no preço das infrações em 16 anos.

As infrações de natureza leve passarão de R$ 53,20 para R$ 88,38. As multas consideradas gravíssimas custarão R$ 293,47, acréscimo de 53% ante os atuais R$ 191,54. Dirigir ao celular deixará de ser uma infração média para ser gravíssima, assim como estacionar irregularmente em vagas de idosos ou de pessoas com deficiência e se recusar a fazer o teste do bafômetro. Antes, uma era considerada grave e outra não era considerada infração.

Atingir 20 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) também terá consequência mais grave, como a suspensão de seis meses do direito de dirigr. Atualmente, o mínimo hoje é um mês. O veículo de um motorista pego sem CNH ou com documento cassado passará a ser retido pelos agentes de trânsito até que algum habilitado vá buscá-lo.

A partir desta terça também todo o valor arrecadado com as infrações deverá ser exposto na internet. A correção do valor das multas será feita anualmente a partir da inflação acumulada no período. Os novos valores deverão ser divulgados com pelo menos 90 dias de antecedência.

Compartilhe

Atenção:

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Una News. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

NOTÍCIAS RELACIONADAS