Una News - Responsabilidade com a Notícia - Nosso WhatsApp (73) 99857-0585 Email: unanews@yahoo.com.br
JULIAN-CALCADOS
mercado-uniao-1
espaco-rural-placa-1-1
WhatsApp-Image-2023-07-13-at-11.39.39
escola_coopesul
unafisiombanner-1
CESTAODAECONOMIA
ECOMASTER
clinicavitamed
Cartao-de-visita-para-motorista-particular-simples-preto_20231014_003543_0000
mototaxi-1
GUTIERRE

APÓS FAZER AJUDANTE DE PADRE REFÉM EM MISSA NO RIO, HOMEM SE ENTREGA

  • Jorge Pereira:Jornalista-DRT 0005599/BA - 18/08/2014
                       
Imagem Automática abaixo do botão


Ação foi encerrada por volta de 19h, quase 2h30 após invasão ao templo. Jovem foi dominado depois de assalto na Rua Visconde de Pirajá.














O homem que fez um ajudante de padre refém durante missa na Igreja Nossa Senhora da Paz, em Ipanema, Zona Sul do Rio, se entregou na noite deste domingo (17) por volta de 19h
O sequestro começou aproximadamente às 16h30 no altar do santuário, que fica nas esquinas das ruas Visconde de Pirajá e Joana Angélica, após a fuga de um assalto a uma drogaria, a dois quarteirões dali. O refém era Eduardo Amaral, ministro da eucaristia da paróquia, que passa bem.
Antes de ir à delegacia, o religioso falou rapidamente com a imprensa sobre os momentos em que passou com o sequestrador. “Só pedia a Deus, agradecia a Deus pelo dom da vida. E pedia muito pela minha vida e pela vida dele”, relatou Amaral.
O responsável pelo sequestro é Carlos Alberto de Souza Júnior, de 35 anos, segundo a Polícia Civil. Ele, que não tem antecedentes criminiais, seria morador da comunidade do Cantagalo e teria problemas psicológicos, segundo familiares. 
O caso foi encaminhado para a 14ª DP (Leblon). Carlos Alberto vai pernoitar no local e, na segunda-feira, seguirá para o Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, na Zona Oeste. Ele vai responder por roubo qualificado, tentativa de homicídio e sequestro.Vejam o vídeo click aqui 
Do G1

Compartilhe

Atenção:

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Una News. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

NOTÍCIAS RELACIONADAS