Una News - Responsabilidade com a Notícia - Nosso WhatsApp (73) 99857-0585 Email: unanews@yahoo.com.br
JULIAN-CALCADOS
mercado-uniao-1
espaco-rural-placa-1-1
WhatsApp-Image-2023-07-13-at-11.39.39
escola_coopesul
unafisiombanner-1
CESTAODAECONOMIA
ECOMASTER
clinicavitamed
Cartao-de-visita-para-motorista-particular-simples-preto_20231014_003543_0000
mototaxi-1
GUTIERRE

JORNAL RUSSO AFIRMA QUE AVIÃO DA MALÁSIA ESTÁ NO AFEGANISTÃO E PASSAGEIROS ESTÃO VIVOS

  • Jorge Pereira:Jornalista-DRT 0005599/BA - 11/04/2014
                       
Imagem Automática abaixo do botão

Parentes fazem oração por passageiros de voo desaparecido

O jornal russo Moskovsky Komsomolets publicou uma reportagem na qual uma fonte anônima afirma que o voo MH370, da Malaysia Airlines, foi sequestrado por terroristas e está no Afeganistão. O entrevistado trabalharia para algum serviço de segurança nacional não informado.
Ele afirma que os 227 passageiros e doze tripulantes da comissão de bordo estariam vivos, na cidade de Candahar, próximo a uma fronteira do Paquistão. Eles estariam divididos em sete grupos e os especialistas presentes na aeronave serão usados na negociação com o governo americano ou chinês. Não foi informada qual a intenção do suposto sequestro.
Ainda segundo a publicação russa, o avião estaria com uma das asas quebrada e teria pousado em uma região onde não seria captado por radar. A reportagem ouviu um especialista em investigação de acidentes, Evgeny Kuzmin, que confirmou que um avião do porte do MH370 poderia realizar um pouso em estrada de terra, livre de montanhas e árvores em volta.
O membro da Fundação Russa de Segurança de Voo, Sergey Melnichenko, declarou ainda que a área onde estaria o avião não faz rastreamento aéreo, o que poderia explicar o fato dele não ter sido identificado ao entrar no céu do país. Leia mais.


Fonte:extra globo .com

Compartilhe

Atenção:

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Una News. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

NOTÍCIAS RELACIONADAS