Una News - Responsabilidade com a Notícia - Nosso WhatsApp (73) 99857-0585 Email: unanews@yahoo.com.br
JULIAN-CALCADOS
mercado-uniao-1
espaco-rural-placa-1-1
WhatsApp-Image-2023-07-13-at-11.39.39
escola_coopesul
unafisiombanner-1
CESTAODAECONOMIA
ECOMASTER
clinicavitamed
Cartao-de-visita-para-motorista-particular-simples-preto_20231014_003543_0000
mototaxi-1
GUTIERRE

GUARDA CIVIL MUNICIPAL EM OPERAÇÃO ARRASTA PAREDÃO

  • Jorge Pereira:Jornalista-DRT 0005599/BA - 12/02/2014
                       
Imagem Automática abaixo do botão

Operação Arrasta Paredão apreende 50 equipamentos de som em janeiro


Guardas municipais atuam cotidianamente na operação Arrasta Paredão.


A operação Arrasta Paredão realizada pela Guarda Municipal do Natal (GMN) e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) é responsável pela apreensão de 50 equipamento de som somente no mês de janeiro passado. A iniciativa vem combater o abuso de som automotivo nas áreas públicas da cidade e tem base legal na Lei Municipal 6.246/2011, que caracteriza a prática como crime ambiental passível de apreensão e multa para o cidadão infrator.

As apreensões estão acontecendo cotidianamente na medida em que são efetivadas denúncias por parte da população que se sente agredida pelo abuso de paredões de som, geralmente utilizados em áreas de bares espalhados pela capital. As guarnições do Grupamento de Ação Ambiental da GMN juntamente com equipes especializadas de fiscalização ambiental da Semurb são acionadas pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), que recebem pelo número de emergência 190 as solicitações de intervenção.

De acordo com o comandante do GAAM/GMN, Ivanaldo Rodrigues, a operação vai continuar durante todo o ano com ações cada vez mais enérgicas. “É preciso que o cidadão se conscientize que a utilização do paredão de som em via pública é crime ambiental e que as equipes da GMN e Semurb estão todos os dias de plantão para fazer valer a legislação municipal, que proibi esses equipamentos ligados nas ruas da cidade”, alertou.

A ação já foi alvo de várias matérias jornalísticas nos meios de comunicação local e vem recebendo apoio da população natalense que cada vez mais solicita o apoio das equipes de fiscalização. “O infrator deve saber que a lei não especifica o nível de ruído do equipamento para que o mesmo seja apreendido, basta que ele esteja ligado nos logradouros públicos, praças e vias da cidade, como também em qualquer espaço privado de uso coletivo”, informou o comandante do GAAM/GMN.


Texto: Assecom GMN.

Compartilhe

Atenção:

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Una News. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

NOTÍCIAS RELACIONADAS