Una News - Responsabilidade com a Notícia - Nosso WhatsApp (73) 9-9917-3247 Email: unanews@yahoo.com.br

POLÍCIA ANALISA IMAGENS QUE PODEM IDENTIFICAR QUEM BALEOU GRÁVIDA

  • Jorge Pereira:Jornalista-DRT 0005599/BA - 09/01/2013
                       
Imagem Automática abaixo do botão

Jovem de 25 anos está em coma no Hospital do Campo Limpo, em SP.
Ela foi atingida na cabeça perto de sua casa; bebê sobreviveu.


A Polícia Civil conseguiu imagens de câmeras de segurança que podem ajudar a identificar os dois homens que atiraram em Daniela Nogueira Oliveira, no bairro Campo Limpo Paulista, Zona Sul de São Paulo, na noite de terça-feira (8). Daniela, que estava grávida de 9 meses, permanecia internada em coma no Hospital do Campo Limpo, em estado gravíssimo, na noite desta quarta (9).
A jovem de 25 anos parou o carro na Rua Professor Orlando Alvarenga Gaudio, perto do condomínio onde mora, por volta das 20h30. Testemunhas disseram que dois jovens em uma moto abordaram Daniela, fizeram um disparo e fugiram.
A bolsa dela ficou no chão, ao lado do carro. Para a polícia, foi uma tentativa de assalto. Da sacada do apartamento, o marido da vítima ouviu o barulho. “Quando ele viu o carro parado e o Samu já encostando pra socorrê-la, ele achou que fosse trabalho de parto que ela estava entrando, não assalto”, disse Roseli Moreira Alves, amiga de Daniela.
A vítima tem costume de deixar o carro na rua porque há só uma vaga na garagem. Quem mora na vizinhança reclama da insegurança. Um dos problemas é que a rua é mal iluminada. ”Saindo da porta do condomínio […] toda hora eles levam alguma coisa”, disse uma vizinha.
Daniela estava no fim da gravidez. Os médicos decidiram adiantar o parto, que estava marcado para semana que vem. Gabriela nasceu de cesariana e está bem. Daniela foi operada, mas a bala continua alojada na cabeça dela.
O cunhado de Daniela disse que os médicos vão tirar os sedativos nas próximas horas pra ver como ela vai reagir. A família está indignada com tanta violência. “Eu não quero o mal dessa pessoa, só quero que ela reflita na dor que ela está fazendo a família passar, na dor que a gente está sentindo”, disse Gilsemar Oliveira. “A nossa esperança é Deus, a nossa fé é Deus.”
FONTE:http://g1.globo.com

Compartilhe

Atenção:

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Una News. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

NOTÍCIAS RELACIONADAS