Una News - Responsabilidade com a Notícia - Nosso WhatsApp (73) 9-9872-3086/9-9954-3601 Email: unanews@yahoo.com.br
  • Una celebra o Dia de Corpus Christi

    • Isaac Roberto - 15/06/2017

    Fé: O alimento da alma…

    Una

    Una celebra o Dia de Corpus Christi

    A Paróquia de São José, Una, celebrou hoje  o Dia de Corpus Christi, a qual realizou procissão pelas ruas da cidade, acompanhada por seus fiéis.

    A procissão de Corpus Christi lembra a caminhada do povo de Deus, peregrino, em busca da Terra Prometida. O Antigo Testamento diz que o povo peregrino foi alimentado com maná, no deserto. Com a instituição da eucaristia o povo é alimentado com o próprio corpo de Cristo.

    A festa do Corpus Christi foi instituída pelo Papa Urbano IV no dia 8 de Setembro de 1264.

    Segundo o Padre Gilvan Pereira, da Paróquia São José, em Una  Corpus Christi significa Corpo de Cristo. É uma festa religiosa da Igreja Católica que tem por objetivo celebrar o mistério da eucaristia, o sacramento do corpo e do sangue de Jesus Cristo

    É preciso pensar, refletir, sobre a necessidade e a importância de termos uma vida saudável, não só a saúde física, mas principalmente saúde espiritual, vemos quão importante é a Palavra de Deus. Assim como o nosso corpo físico necessita de alimento e sem pão e água nosso corpo desfalece, assim também é necessário alimentarmos nosso corpo espiritual, nossa alma.

    Os sintomas de uma alma desfalecida, faminta e sedenta, são as fraquezas da alma, como depressão, vícios, viver na prática de uma vida desonesta, violência, desrespeito, etc . Nossa alma precisa ser bem cuidada.

    Mas qual é a comida da alma?

    Moisés, respondendo a questão, escreveu: “Não só de pão vive o homem, mas de toda a palavra de Deus, disso viverá o homem”.(Deut. 8:3).

    No texto de Mateus 7:24-27, Jesus explica e mostra a diferença entre uma alma fraca e uma alma forte, uma alma nutrida e outra faminta. Ele diz:

    “Todo aquele que ouve as minhas palavras e as pratica, é semelhante a um homem prudente que edificou a sua casa sobre a rocha.”( Mateus 7:24)

    Para que a pessoa seja forte como uma casa bem construída sobre a rocha, é preciso duas coisas: ouvir e praticar as palavras de Jesus. Ouvir é guardar as palavras no coração, acreditar e aceitá-las; praticar significa fazer produzir o que está no coração, ou ainda, obedecer as palavras de Jesus. Simplificando ainda mais: ouvir e praticar é o mesmo que fé e obediência.

    Estas duas coisas tornam uma alma forte, preparada, saudável e segura. Obediência eficaz exige amor, pois sem amor não é possível obedecer a Deus. Se você ama alguém, irá fazer tudo o que ele diz e fará tudo o que lhe agrada. Irá se preocupar sempre em agradá-lo, obedecendo-o. O amor é também fidelidade, confiança e paciência.                   ( I Corintios, 13).

    Quando vivemos, não na prática da palavra de Deus, mas na prática do pecado, a verdade é que todo pecado e desobediência é sintoma de uma alma fraca, sem forças. Uma alma forte, bem cuidada, é conhecida pela fé e obediência á Palavra de Deus. Quando, por exemplo, roubamos, mentimos, adulteramos, não estamos praticando a palavra de Deus. Isso é sinal de fraqueza. Agora, o desviar-se do mal, o “guardar-se incontaminado do mundo”(Tiago 1:27), a vigilância, a prudência no falar e no agir, indica uma alma forte, saudável, que se alimenta da palavra de Deus.

    O alimento do corpo fortalece o próprio corpo e este alimento deve ser material, carnal, físico, terreno, como é o corpo. Já o alimento da alma não pode ser nada físico, material, pois a alma/espírito são imateriais, e portanto seu alimento deve ter esta substância. Carne se alimenta da carne. Espírito se alimenta do espírito. O alimento da alma é Deus ou tudo que vem Dele, porque Deus é Espírito.

    Ainda referindo-se ao texto de Mateus 7:24-27, Jesus também revela que “…todo o que ouve as minhas palavras e não as pratica, é comparado a um homem insensato, que edificou a sua casa sobre a areia…”, confirmando o texto de Tiago que diz: “a fé sem obras é morta…”(Tiago 2:26). Se alguém construir sua casa sobre a areia, não adianta reforçar as paredes, as colunas, os muros, o teto ou as portas, porque ela vai ceder quando as chuvas e os ventos chegarem. Não adianta preocupar-se com o físico, se o espírito está morto, sem Deus, porque Deus é Vida.

    *Reflexões da Bíblia

    Compartilhe

    NOTÍCIAS RELACIONADAS